quinta-feira, 11 de julho de 2013

Leitura Crítica da Mídia: CRIANÇAS - INFÂNCIA LIVRE DE CONSUMISMO

O movimento "Infância Livre de Consumismo" nasceu em março de 2012 devido à indignação dos participantes do Grupo de Discussão Consumismo e Publicidade Infantil. Nessa época, alguns membros do grupo resolveram participar do debate proposto pela campanha “Somos Todos Responsáveis”, da Associação Brasileira de Agências de Publicidade (ABAP). Concluíram que o verdadeiro intuito da campanha era culpabilizar exclusivamente os pais, colocando-os como únicos responsáveis por controlar a exposição de seus filhos às propagandas abusivas veiculadas atualmente. A campanha mostrou-se parcial, na medida em que defende a autorregulamentação e o “bom senso” dos anunciantes como os únicos controladores da publicidade infantil.
Em contrapartida, defendem que, para cumprir a responsabilidade de educar os filhos para a cidadania e a sustentabilidade, precisam do apoio do Estado e da responsabilização efetiva das empresas privadas, dos veículos de comunicação e das agências de publicidade. Diante do excesso de propagandas e do conteúdo manipulatório e inadequado que se apresentam diariamente na mídia direcionada às crianças, este grupo de mães e pais não aceita assumir esta responsabilidade sozinhos.


Nenhum comentário: